Um oficial de trânsito da Índia exemplificou o que significa dar uma mão amorosa e bondosa a um ser humano carente.

Uma mulher de 80 anos estava há três dias ao lado de uma estrada em Hyderabad, perto da Universidade Tecnológica de Jawaharlal Nehru (JNTU), e o Sr. B. Gopal, um oficial de trânsito de Kukatpally não pôde ignorá-la.

“A senhora que estava sentada perto do cruzamento da JNTUH me faz lembrar de minha mãe”, relembra Gopal, relatando ao New Indian Express. “Eu não pude deixar de ajudá-la.”

O homem fez todo o possível para alimentar a mulher. “Ofereci-lhe uma xícara de chá e depois lhe comprei o almoço”, diz Gopal. “Ela não conseguia nem comer com as próprias mãos, então eu a alimentei.”

@pandiribhargavi

“Isso se chama mudança, não é somente um policial amigável, isso é responsabilidade social”, disse um homem no Twitter.

“A humanidade pode ser vista claramente neste cavalheiro”, escreveu outro. “Eu tiro meu chapéu para ele.”

Este comentário vai tocar o seu coração: “Eles são pessoas que fazem nossa vida melhor, que tornam o mundo um lugar maravilhoso, que nos inspiram a colocar os outros em primeiro lugar, nos ajudando a esquecer o mal. Obrigado!”

Essa senhora se chama Buchamma, é oriunda de um bairro próximo.

Infelizmente, embora ela tenha nove filhos, é evidente que Buchamma estava precisando de ajuda. Ela foi levada para Anand Ashram em Cherlapally.

Anand Ashram é um abrigo administrado pelo governo. Felizmente, Buchamma será tratada lá e não mais será colocada nas ruas.

O grande trabalho de Gopal não é apenas inspirador, mas é um exemplo do que um ser humano deve ser: gentil e atencioso.

Veja também:

videoPlayerId=b851a1dc7

Share
Categorías: Uncategorized

Video Destacados

Chef peruano elabora la más bella escultura de un ave en hielo